• Assessoria de Comunicação

Famílias do assentamento Banco da Terra recebem escritura de terras Após 20 anos.


Participaram do Evento, primeira dama Danielle Mendes, vereador Vanderlei Bueno, representando a AGRAER, André Nogueira (Diretor Presidente), Elisméia Borges (Coordenadora Tecnica),representando o Banco do Brasil, Robson Cristiano (Gerente), e os secretários; Livia Dias, Dorival Barbosa, Edson Pinheiro e Oliveira Borges.


A associação Terterra, há seis anos, é liderada pela produtora Glacir Gorete Schafer, que comemora o recebimento da escritura. "Isso é uma vitória para nós, um sonho realizado após 20 anos de espera e que vai dar a oportunidade de sermos independente e podermos desfrutar da nossa terra", afirma ela que atualmente produz leite, que é vendido para o laticínio.O projeto de crédito fundiário Jaburu foi criado no ano 2000. Desde 2010 o processo caminha para regularização, mas em 2014 a dívida da associação foi para execução.


A nova diretoria levou o caso ao conhecimento da Administração Municipal de Nova Alvorada do Sul e da então deputada federal Tereza Cristina, que através de audiência pública, levou a demanda a Brasília, onde em 2018, inscreveram-se na Dívida Ativa da União e conseguiram um rebate do valor total.



Depois disso, cada produtor pagou por sua terra, que foi individualizada e escriturada.Assentamento Jaburu - O assentamento é composto por três associações, cada uma com 25 lotes.


O assentamento Jaburu em 2010 foi o pioneiro no cultivo de urucum. Atualmente, a maior parte da produção é agrícola, devido à boa fertilidade do solo.

41 visualizações
lopqn.fw.png

Prefeitura Municipal de Nova Alvorada do Sul - MS

Segunda a Sexta 07:00 as 13:00

©2017/2020 Prefeitura Municipal de Nova Alvorada do Sul - MS. 

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube